Evandro Affonso Ferreira promove "talk-show" durante o Flipoços

“Autor premiado participa do Festival e se apresenta no dia 04 de maio "

 

Pela primeira vez no Festival Literário Internacional de Poços de Caldas, o Flipoços, o escritor Evandro Affonso Ferreira, premiado no Jabuti e vencedor do Prêmio APCA apresenta um talk-show durante a programação. O evento ocorre no dia 04 de maio às 14h no Teatro da Urca, mediação do tradutor Marcelo Laier. Entrada gratuita.
O autor de “O mendigo que sabia de cor os adágios de Erasmo de Rotterdam” e “Nunca houve tanto fim como agora” apresenta o talk-show, com histórias engraçadas, poéticas e encantadoras sobre personalidades como Franz Kafka, Freud, Jorge Luis Borges, Hilda Hilst, Guimarães Rosa, entre outros autores, além, claro, de textos escritos por ele mesmo. Esta é a primeira vez que o autor participa do Flipoços. Para a curadora, Gisele Corrêa Ferreira, é uma honra recebê-lo. “Trata-se de um autor consagrado, bastante premiado e que tem uma obra relevante, sem falar que a proposta do talk-show é inédita e vai divertir muito o público”, destacou.

Sobre o autor
Evandro Affonso Ferreira é mineiro de Araxá. Contista e romancista. Começou a trabalhar aos 10 anos de idade, na loja de calçados do pai, em Minas Gerais. Em 1963, mudou-se com a família em São Paulo, após viver em Brasília de 1959 a 1962. Em São Paulo, tornou-se bancário, profissão que exerceu até 1978. Em seguida, trabalhou como redator publicitário, período em que viveu a boêmia paulistana, na qual estabeleceu contato com artistas e escritores. Depois de sofrer um infarto em 1990, decidiu dedicar-se somente à literatura. Entre 1991 e 2002, cria o sebo Sagarana, mantido com o acervo de 3 mil volumes que tem em casa. Sua primeira obra publicada é a coletânea de humor Bombons Recheados de Cicuta (1996). A partir dos anos 2000, seu trabalho ganha destaque no cenário literário, com o livro de minicontos Grogotó! e os romances Erefuê (2004), Zaratempô! (2005) e Catrâmbias! (2006). Entre 2005 e 2008, retoma a atividade de livreiro e monta um novo sebo em São Paulo, o Avalovara. Seu livro Minha Mãe se Matou sem Dizer Adeus recebe o Prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Arte (Apca) de melhor romance de 2010. Em 2012, publica O Mendigo que Sabia de Cor os Adágios de Erasmo de Rotterdam, vencedor do Prêmio Jabuti 2013 na categoria romance. Ele lança ainda este mês pela Editora Nós, o livro “Moca quase-viva enrodilhada numa amoreira quase-morte”.

O Flipoços 2019 conta com o patrocínio do DME e Café Três Corações, com o apoio das entidades Câmara Brasileira do Livro, Câmara Mineira do Livro, Instituto Pró-livro, Embaixada de Portugal no Brasil e Instituto Camões. Parceria Cultural Sesc e Senac Minas.  Mais informações, sobre ingressos, programação completa e guia virtual podem ser obtidas no site www.flipocos.com e telefone 35 3697 1551.

 

 


Evandro Affonso Ferreira e Marcelo Laier